Crianças expostas à religião têm mais dificuldades em distinguir o que é real e o que é fantasia

Agora é científico: essa porcaria só atrapalha na educação!
Educar crianças fazendo com que elas não saibam diferenciar o real do imaginário deveria ser um crime.

“De acordo com um novo estudo, publicado na revista Cognitive Science, crianças que crescem próximas à religião têm mais dificuldade de separar fato da ficção.

criancaigreja

Para chegar a essa conclusão, os pesquisadores responsáveis analisaram 66 meninos e meninas com idades entre 5 e 6 anos. Metade ia a escola paroquial e a outra metade frequentava escolas laicas.

A metade que ia para a igreja com frequência tinha mais dificuldade de separar elementos sobrenaturais da realidade. Acreditavam, por exemplo, que animais falantes poderiam ser reais. E elas confiavam em elementos da religião para justificar esse tipo de crença.

O estudo refuta hipóteses anteriores de que crianças “nascem” com uma predisposição para a fé. Os autores sugerem que “a exposição a histórias sobre milagres, faz com que crianças tenham uma receptividade mais genérica para o impossível, uma aceitação maior de que coisas podem desafiar a realidade, sem relações causais”.”

Fontes: GalileuHuffington Post

>>>>> Compartilhe nossas publicações. 🙂
>>>>> Acesse também as nossas páginas Loucuras da Religião e Nunca Vi Em Cultos no Facebook!

Anúncios

Uma resposta em “Crianças expostas à religião têm mais dificuldades em distinguir o que é real e o que é fantasia

  1. Pingback: O problema da fé | Loucuras da Religião

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s